in

Renda Brasil deve atender a 21 milhões de famílias e benefício já tem possível valor; saiba quanto

Atendendo a um pedido do atual presidente da república Jair Messias Bolsonaro, o Ministro da Economia Paulo Guedes, tem trabalhado em uma proposta que será enviada para o congresso sobre o Renda Brasil, programa que substituirá o Bolsa Família e que deve entrar em vigor a partir de janeiro de 2020.

Segundo as informações, a proposta deverá ser enviada para o congresso nas próximas semanas. Fontes que participaram das reuniões onde discutiu-se o Renda Brasil, revelaram que o programa estima atender de 20 a 21 milhões de famílias no país. A proposta é que os 14 milhões de famílias cadastradas no Bolsa Família juntamente com mais 6 ou 7 milhões de famílias que estão recebendo o auxílio emergencial atualmente sejam beneficiadas com o novo programa.

Nesta segunda-feira, durante uma reunião, Jair Bolsonaro e integrantes da equipe econômica discutiram com Paulo Guedes sobre o teto de gastos e o Renda Brasil, a discussão se deu uma vez que o valor estimado a ser pago as famílias seria de R$300 e o valor de gastos seria de R$60 bilhões, valor que atualmente não há como ser pago considerando o teto de gastos.

Ainda de acordo com a repostagem, a proposta do Renda Brasil deve seguir para o congresso como uma proposta de emenda à Constituição (PEC), visto que ela alterará benefícios que hoje estão previstos na Constituição.

Fonte: Brasil247